sábado, 28 de maio de 2011

Estranho, sei lá.

 Lá está ela, mais uma vez. Não sei, não vou saber, não dá pra entender como ela não se cansa disso. Sabe que tudo acontece como um jogo, se é de azar ou de sorte, não dá pra prever. Ou melhor, até se pode prever, mas ela dispensa. Acredito que essa moça, no fundo, gosta dessas coisas. De se apaixonar, de se jogar num rio onde ela não sabe se consegue nadar. Ela não desiste e leva bóias. E se ela se afogar, se recupera. Estranho é que ela já apanhou demais da vida. Essa moça tem relacionamentos estranhos, acho que ela está condicionada a ser uma pessoa substituta. E quem não é?
Caio F




"Eu não quero ser adorada,
Eu quero ser amada."
(Trecho do filme - Antes que termine o Dia)
Tenho e recomendo.

4 comentários:

Sam. disse...

adoro esse trecho do Caio!!

já apanhei demais nessa vida, mas não desisto de tentar nuncaaaaa..... tenho minha própria bóia..rsrs

Um beijo, amadinha!

Milii dos Anjos disse...

Caio sempre perfeito, seu blog ta lindo. Te seguindo, me faz uma visitinha lá.

Milii dos Anjos disse...

Own Keeyla, nao to visualizando vc em meus seguiores =\

Giovana F. disse...

é tudo muito lindo por aqui também , parabéns! amo tanto Caio F , sinto um alívio quando leio , quase como morder minha fruta preferida. Parece que alguém sabe todas essas coisas que a gente nunca diz, os nossos olhares. sei la.