quinta-feira, 30 de junho de 2011

Uma história,



Trago lágrimas, sorrisos, histórias, abraços. Trago momentos felizes, momentos de decepção. Carrego pessoas, amores e desamores, amigos e inimigos, desafetos, paixões. Não sou um livro aberto, mas também não tão fechado que você não consiga abrir, basta ter jeito, saber tocar as páginas, uma a uma, e descobrirá de que papel é feito cada uma delas.


Caio Fernando Abreu




Sem querer mais nada além daquele chegar cada vez mais perto.


Caio F.

4 comentários:

Bixudipé disse...

Seu blogue é um luxo!

Abração.

Ana disse...

Nossa, obrigada =)
Adorei aqui , mesmo!
"Que seja doce"
Voltarei mais vezes

Beth disse...

Oi tudo bem

gostei do seu blog

estou te seguindo

segui me http://bete7l.blogspot.com

Bjos.

Bixudipé disse...

Caio Fernando de Abreu é o que há de melhor!

Tudo muito lindo!

Abração.