sábado, 21 de julho de 2012


Tumblr_llu4u7lamt1qd646ho1_500_large

As relações amorosas seriam muito menos traumatizantes se os envolvidos tivessem a consciência de que estão vivenciando um excitante encontro entre adultos, e não um projeto de mútua adoção. Ninguém é criança, ninguém agüenta monitoramento constante. Morando em casas separadas ou na mesma casa, ele é uma pessoa, você é outra, e é aconselhável que cada um respire com o próprio nariz, pra não acabar em asfixia.

Martha Medeiros.

3 comentários:

Marcela Alves disse...

Pura verdade! eu to procurando isso mas ta dicifil... Já me contentei em virar uma solteirona bem sucedida... ahahahha ;D

beeijos flor

A.S. disse...

Perfeito!...


Beijo,
AL

Sabrina Gomes disse...

Esse blog é o meu paraíso né? Martha Medeiros, Caio F. Abreu , Tati Bernadi ... meus escritores favoritos! Amei esse texto da Martha. Aliás, como não amar tudo que ela escreve?

Me acheguei por aqui hoje mas adorei e vou ficar. Estou lhe seguindo. E seria uma HONRA ter você por lá também. Beijão, Sabrina. (www.spiderwebs.com.br) ♥