domingo, 2 de setembro de 2012


Crie laços com as pessoas que lhe fazem bem, que lhe parecem verdadeiras. Desfaça os nós que lhe prendem àquelas que foram significativas na sua vida, mas, infelizmente, por vontade própria, deixaram de ser. Nó aperta, laço enfeita. Simples assim.

Caio Fernando Abreu

2 comentários:

Pryh disse...

Essa é uma bela de uma verdade, por experiência própria acabei percebendo isso.

Adoro seu blog, mesmo ficando meio off para comentário, sempre me identifico bastante com os posts...

Wendel M. disse...

Seu blog é muito legal. Gostei bastante.

«E ela acreditava em anjos, e porque acreditava eles existiam»

Abraços.

www.voomadrugada.blogspot.com.br